18.2.13

nunca te vi de boa

mudando um pouco o feeling dramático do blog, resolvi que:

em plena segunda, quando o mundo não deixa de ser mundo, só há uma perspectiva: se deixar inspirar – pela vida ou pelas barras da vida ou pelos amores que não deram certo (na pior das hipóteses). é preciso saber compensar o que você tem com o que você não tem. o tempo é curto, de repente os anos passam e a gente só percebe o erro tarde demais – e tudo se transforma numa superbarra.

aproveitando a vibe chuvinha e tempo cinzento, resolvi criar um mini-mural na parede do meu quarto. eis o resultado:


mas além de ser super feliz às segundas, não resisti e me fotografei numa vibe self-marketing do absurdo. reparem que mesmo contentinho, há uma atmosfera sombria no olhar, tipo the dark side of the moon:


e por falar em self-marketing do absurdo:

meu texto "amante babaca" saiu no Don´t Touch My Moleskine mês passado. (link)

outro texto, "lágrima de osso" saiu no fofíssimo blog Emilie Escreve. (link)

e pra finalizar, mais tarde tem drink, tem loucura, tem obsessão. e como tadeu sarmento deu a dica, meu livro de contos deveria se chamar "planejando vinganças no sofá vermelho".

afinal vin-gan-ça é a síndrome dos espíritos desajustados.

13 comentários:

  1. Li seu conto no blog Emilie Escreve e fiquei encantada, sua forma de escrever é tão sua, que nossa!
    Adorei o nome-ideia para seu livro de contos, tem um voto a favor. hahaha

    ResponderExcluir
  2. Guri, li os dois contos e que delícia de escrita. Confesso que me identifiquei mais com o Amante babaca, que tou nessas de querer e não ter, mas visualizar.

    ResponderExcluir
  3. dane-se o texto, gostei do novo lay do blog, da nova logo do "O Impenetrável" (com underline, tá, meu bein) e da nova câmera. câmera semi-pro é outro mundo...
    a minha ainda não chegou porque simplesmente está esgotada no Braseeel, mas mal posso ver a hora!
    posso te dar um toque? tira a navbar do teu blog. teu blog não precisa disso.
    xox

    ResponderExcluir
  4. Concordo contigo, o tempo é curto demais!
    segunda é um dia puxado para maioria das pessoas, pq deixar isso mais 'puxado' ainda, né? Deixa o dia leve, de algum modo, e a tua ideia do mural caiu muito bem.

    Que bom que gostou da indicação musical.
    Gostei do teu blog, vou acompanhar!
    :)

    ResponderExcluir
  5. É preciso se deixar inspirar, mesmo. Gostei daqui! Vou ler os textos dos links e volto pra dizer o que achei. Beijo!

    ResponderExcluir
  6. Olá, boa tarde, tem um recado no blog :)

    Bjinhos

    http://chadecalmila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ser um espírito desajustado é a sua cara. Eu não gostaria que você mudasse nesse sentido. A criatividade vem daí.
    Amei o teu mural e a cor da parede do teu quarto (além do sofá vermelho, é claro).
    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Olá LaCarne, é sempre muito prazeroso te ler, e a cada leitura me sinto mais a vontade nos teus textos (que achava meio crazy demais para meu entendimento rs). A cada leitura descubro que a inspiração é individual, e a tua me salta os olhos. Criativo é pouco, tua maneira de dizer as coisas tem me fascinado (não se preocupe, jamais conseguiria te plagiar rs). E eu sou também amante do que a palavra representa.
    ps. Meu carinho meu respeito meu braço.
    ps.2 adorei o nome sugerido por 'tadeu' planejando vinganças no sofá vermelho, muito bom...
    ps. Meu carinho meu respeito meu abaraço.

    ResponderExcluir
  9. Li lá no Emilie Escreve, seu texto. Gostei do post e amei essa parede azul e seu sofá vermelho! Que lindo!

    ResponderExcluir
  10. só falta você lançar logo esse livro!!! serei uma das primeiras a comprar!!!
    ~~ Emilie Escreve ~

    ResponderExcluir